Inscrições para oficinas de turismo no Centro Histórico de Belém.

cv

Tendo como público alvo os moradores, trabalhadores e parceiros do Circular Campina Cidade Velha, situados no Centro Histórico de Belém, as oficinas do projeto “Viabilidade Turística no Centro Histórico de Belém: intervenções turísticas-culturais integradas ao Projeto Circular no Centro Histórico de Belém /PA” iniciam na semana que vem. Estudantes de turismo, geografia, economia e demais interessados também podem se inscrever.

A primeira ação já no dia 3 de novembro, com uma roda de conversa sobre “Economia Criativa”, que será conduzida por Valcir Bispo Santos, professor da Faculdade de Ciências Econômicas (FACECON)/Universidade Federal do Pará (UFPA) e Conselheiro representando as “Universidades” no Conselho Municipal de Política Cultura de Belém – CMPC Belém, biênio 2016-2017.

“Vamos bater um papo com os inscritos para conhecer os perfis das iniciativas e empreendimentos culturais e criativos existentes na Cidade Velha. A partir dai, pode-se debater algumas alternativas para o desenvolvimento das iniciativas e empreendimentos culturais e criativos no bairro”, acredita Valcir.

O professor considera que os recursos (e produtos) de inovação criativa advém do tradicional e do fomento à diversidade cultural. “Creio que a Cidade Velha fornece vários recursos ao desenvolvimento da Economia Criativa. Um recurso com enorme potencial criativo é o uso dos antigos casarios ou sobrados coloniais para abrigar coletivos culturais e criativos”, comenta.

“Dessa forma, o rico patrimônio histórico e arquitetônico da Cidade Velha pode ser destinado para uso cultural ou criativo. Mas ainda é preciso construir uma política pública de fomento para a destinação desse patrimônio histórico para fins culturais e criativos, que passa por instrumentos de isenção ou redução tributária (como IPTU) e acesso a crédito facilitado, capacitação gerencial e de mão-de-obra qualificada, entre outras iniciativas”, conclui o professor.

Também já estão agendadas as oficinas sobre “Patrimônio e Centro Histórico”, no dia 16 de novembro, com a professora Goretti Tavares, do Projeto de Extensão Roteiros Geo Turístico, do curso de Geografia da UFPA e, nos dias 17 e 23 de novembro, a de “Turismo e Projetos Turísticos”, com os professores Diana Alberto, do curso de turismo da UFPA e Silvio Figueiredo, do NAEA.

Inscrições –    As inscrições para as oficinas de turismo sustentável podem ser feitas pelo e-mail: turcentrohistoricoufpa@gmail.com. Todas as ações são realizadas no auditório do ICA, que fica na Praça da República, ao lado do Teatro Waldemar Henrique (prédio do antigo Núcleo de Artes da UFPA). Mais informações: 91 8127-2208.

Iniciativa vai construir projeto de aspiração coletiva

O projeto de extensão aprovado para execução pela Universidade Federal do Pará traz como proposta articular uma nova e fundamentada intervenção turística e cultural nos bairros do Centro Histórico (Campina, Cidade Velha e adjacências). É coordenado por Diana Alberto, da Faculdade de Turismo da Universidade Federal do Pará – UFPA, em parceria com os professores Goretti Tavares, da Faculdade de Geografia, e Silvio Figueiredo, do Núcleo de Altos Estudos Amazônicos, além de Makiko Akao, do Projeto Circular.

O projeto traz atividades diversas com objetivo de dinamizar o aproveitamento de diferentes setores presentes nesta área da cidade, para a efetivação de um turismo cultural e sustentável. As oficinas oferecem dinâmicas culturais, sociais, econômicas e turísticas, que serão aplicadas para fomentar o desenvolvimento de atividades ou temáticas sobre Turismo, Patrimônio e Cultura no Centro Histórico de Belém, num exercício de aproximação das pessoas que vivem e/ou trabalham nestas áreas de patrimônio e diversidade cultural.

“Os moradores e parceiros do Circular terão a oportunidade de aprender um pouco sobre os temas e entender que o turismo pode ser mais um instrumento para agregar valor e identidade ao espaço cultural e patrimonial ao local em que eles vivem, e quem sabe eles mesmos possam vir a criar roteiros turísticos nos bairros”, diz Diana.

A professora ressalta que para ser consolidado, o turismo no Centro Histórico é preciso de mais investimento em segurança, coleta de lixo, ordenamento de trânsito nas vias, além de programações culturais e sociais, isso tanto por parte do poder público (municipal e estadual), quanto do setor privado.

“Acreditamos que o Circular já vem proporcionando essa integração entre esses espaços privados culturais que existem na região, com a população moradora e comerciante. E o turismo pode ajudar muito, desde que haja também a implementação de políticas de cultura que valorizem as iniciativas”, diz.

OFICINAS

03/11 – Valcir Bispo Santos – Economia criativa – Local – Auditório do ICA – 19h às 21h

16/11 – Goretti Tavares – Patrimônio e Centro Histórico – Local Auditório do ICA 19h às 21h

17/11 e  23/11- Silvio Figueiredo e Diana Alberto – Turismo e Projetos Turísticos – Auditório do ICA – 19h às 21h

Serviço

As inscrições para as oficinas de turismo sustentável podem ser feitas pelo e-mail: turcentrohistoricoufpa@gmail.com. Todas as ações são realizadas no auditório do ICA, que fica na Praça da República, ao lado do Teatro Waldemar Henrique (prédio do antigo Núcleo de Artes da UFPA). Mais informações: 91 8127-2208.

Anúncios

Deixe aqui seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s