Projeto Circular Campina Cidade Velha chega à sua 10ª edição homenageando Belém

10426633_729557453754539_7688935109507749501_n

Os “400 anos de Belém” foram o tema do Projeto Circular Campina Cidade Velha, que realizou sua 10ª edição no último domingo (17) pelos bairros da Campina, Reduto e Cidade Velha.

Música, artes plásticas, gastronomia, exposições, foto-varais, exibição de documentários, curtas-metragens, venda de roupas e acessórios, passeios ciclísticos, desafios de skate, romaria, cortejo religioso e apresentação de coral. Diversas atividades culturais, para todos os gostos, aconteceram durante todo o dia e se estenderam pela noite.

Visando estimular a ocupação do espaço público pela circulação de pessoas no Centro Histórico de Belém, o Projeto Circular promove a integração da população com a cidade, em um espaço de pouco movimento durante os fins de semana.

O Projeto Circular conta com várias parcerias: Associação Fotoativa, Banco da Amazônia, Bike Tour Roteiros, Casulo Cultural, CCBEU, Da Tribu, Espaço Oficina Assim, Hope Skate House, Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos, Idade Mídia, Jota Lanches, Kamara Kó Galeria, Restaurante Dona Joana, Tapioquinha da Dona Cléia, Atelier da Drika Chagas, Aparelho, Bar do Rubão, Centro Cultural da Justiça Eleitoral do Pará, Centro Cultural do Carmo, Eco Casa, Fórum Landi, Lado B Studio, Museu de Arte de Belém (MABE), Museu do Círio, Museu de Arte Sacra (MAS), Museu Casa das Onze Janelas, Museu do Forte do Presépio, Museu do Estado do Pará (MEP), IPHAN, Roteiro Geoturístico, Belchior Escola de Beats, Elf Galeria, Instituto Iacitatá Amazônia Viva e Instituto Peabiru/ Jardim Flutuante do Bolonha.

 

Rede Casas do Patrimônio no Circular Campina Cidade Velha

A Rede Casas do Patrimônio apoia o Circular e participa ativamente de todas as edições.

O IPHAN/PA, por meio da Rede Casas do Patrimônio, apoiou na produção de materiais de divulgação do Projeto Circular (blusas, sacolas, chaveiros e sombrinhas) e do vídeo sobre as atividades do GGeotur/Roteiros Geoturísticos.

GGeotur/ Roteiros Geoturísticos, coordenado pela professora Goretti Tavares, recebeu 300 participantes nesta última edição, que realizaram o roteiro “Cidade Velha” à pé desde o Forte do Presépio, Feira do Açaí, Complexo Feliz Lusitânia, Rua Siqueira Mendes, Praça e Igreja da Sé, Rua Joaquim Távora, Largo e Igreja São João, Rua Tomázia Perdigão, Palácio do Governo, Prefeitura, Praça Dom Pedro II, IHGP, Rua Pe. Champgnat, encerrando no Mabe, onde assistiram a um documentário sobre os percursos e metodologias do projeto, que completou 5 anos de existência.

Roteiro Geoturístico foto de Marcos André Costa.
Roteiro Geoturístico, foto de Marcos André Costa.

O Projeto Fotoativa realizou ampla programação com fotovaral, discotecagem, lojinha, lanchonete, micro oficinas, além do show de Andrea Pinheiro e convidados.

Fotoativa, Show Andrea Pinheiro e Convidados
Programação na Fotoativa com show de Andrea Pinheiro e Convidados.

 

São Benedito pelos 400 anos de Belém

Marujada Bragantina foto de Luciana Medeiros
Marujada Bragantina, foto de Luciana Medeiros

O Projeto Circular, com o patrocínio do Banco da Amazônia, trouxe um pouco da cultura bragantina para os 400 anos de Belém. A Comitiva de São Benedito de Bragança veio fazer parte da procissão de São Benedito das Rosas, que não ocorria desde 2009. Após a procissão, marujos e marujas dançaram as músicas tradicionais da marujada de Bragança na Praça das Mercês. A programação seguiu com a apresentação de Junior Soares e Luê.

 

 

Anúncios

Deixe aqui seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s